fbpx
Rentabilidade dos planos da BB Previdência supera meta em 2018

Rentabilidade dos planos da BB Previdência supera meta em 2018

A rentabilidade consolidada da BB Previdência encerrou o mês de dezembro positivo em 0,70%, e o resultado acumulado do ano em 11,10%, superando em 2,29% a meta de rentabilidade, que era de INPC + 5% a.a. (valor equivalente a 8,61%).

Terminamos o ano com uma ociosidade instalada no mercado interno após as eleições de outubro/18. Este cenário permaneceu forte durante o mês de dezembro e a inflação medida pelo IPCA seguiu bem acomodada, atingindo 0,15% no mês e fechando o ano em 3,75%, abaixo da meta de 4,5%.

No tocante ao cenário econômico externo, após o ganho global da moeda americana em 2018, alguns economistas de mercado estimam o enfraquecimento do dólar no primeiro trimestre deste ano, bem como o desempenho favorável dos preços das commodities e do fluxo de capital para os países emergentes. Nos EUA, acredita-se que o aperto recente das condições financeiras e a menor inflação permitirão uma postura gradualista no seu programa de normalização monetária, levando o FED a realizar apenas duas altas em 2019. Na China, o crescimento do PIB (variação anual) desacelerou de 6,7% para 6,5% no 3º trimestre de 2018, sobretudo em resposta à uma menor contribuição do setor externo e à desaceleração do investimento fixo.

Estes eventos, somados a outros tantos vividos ao longo de 2018, trouxeram uma grande volatilidade, provocada resumidamente pelos acontecimentos políticos e econômicos, que geraram apreensão aos participantes dos planos de previdência complementar. Entretanto, para aqueles que mantiveram a calma e visão de longo prazo, os resultados foram compensadores.

Os principais fatores que influenciaram a rentabilidade dos investimentos em dezembro de 2018 foram:

  1. O Índice IBr-X, influenciado pelo cenário político, encerrou o mês em -1,29%, após ter atingido uma mínima de -4,24% no mês.
  2. O dólar comercial encerrou o mês com variação de 0,30%, cotado a R$ 3,87.
  3. Os títulos públicos indexados à inflação (IPCA) e precificados a mercado – principal ativo das carteiras dos Planos – com vencimento até cinco anos, medidos pelo IMA-B 5, alcançaram rentabilidade de 1,63% no mês, enquanto aqueles com vencimentos mais longos, medido pelo IMA-B 5+, tiveram um desempenho ainda melhor, de 1,85%, impactando significativamente o desempenho global da carteira de Renda Fixa, que fechou o mês em 0,94%.

O CDI e a taxa Selic renderam 0,49%.

Indicadores econômicos 2018

Índice Rentabilidade
BB Previdência 11,10%
CDI/Selic 6,42%
Ibovespa 15,03%
IBr-X 15,42%
Poupança 4,62%
Inflação – IPCA 3,75%

E agora, após um 2018 tão agitado, o que esperar de 2019? Tudo indica que teremos um ano ainda mais desafiador. A retomada do crescimento econômico, as discussões e as definições sobre o avanço das reformas e do quadro fiscal foram postergadas para os próximos meses, deixando o cenário bastante incerto e novamente desafiador. Você participante da BB Previdência pode acompanhar a rentabilidade individual do seu plano, disponibilizada no seu acesso restrito.

Compartilhe
10+

8 Comentários sobre “Rentabilidade dos planos da BB Previdência supera meta em 2018

  1. Parabéns à BB Previdência que superou os desafios mercadológicos existentes em 2018 com grande competência, resultando em um ano positivo. É bom saber que meu dinheiro e meu futuro estão em boas mãos.

    2+
  2. Qual a linha de investimentos a BB Previdência vai seguir para 2019 visando alcançar as metas? Dado que os títulos públicos estão muito baixos e são sua principal alocação.

    2+
    1. Que bela mensagem para uma manhã de segunda-feira! 🙂

      Obrigada por prestigiar nosso blog, Anderson! Fazemos esse trabalho com muita dedicação, que bom que você está gostando! Um abraço!

      2+
    1. Boa tarde, Luiz! Olha, vou te responder acreditando que o seu questionamento é em função de você ter um Plano de previdência privada, certo?

      Você pode ter essa impressão (de que seus rendimentos estão diminuindo) por que seu dinheiro está aplicado em produtos de médio/longo prazo e, em função de alguma crise que o mercado financeiro esteja passando, o valor das suas cotas pode oscilar. Mas não se preocupe! Em regra, no fim do período previsto de investimento (reitero que os planos de previdência são pensados para médio e longo prazo), seus rendimentos terão um retorno positivo, pois seu Plano tem metas para cumprir e certamente seu gestor fará tudo o que estiver ao alcance para cumpri-las.

      Gosto de pensar como se fosse um bolo. O bolo leva 40 minutos para assar completamente, mas temos vontade de ficar em frente ao forno olhando, como se o nosso olhar tivesse algum poder de mudar o tempo de assar do bolo. Se você estiver sem tempo e abrir o forno em 20 minutos, com certeza ele ainda não estará pronto. Mas se você esperar os 40 minutos, seu bolo estará perfeito! Com a previdência é mais ou menos assim: se você tiver paciência de esperar a época da aposentadoria seu dinheiro estará “no ponto”, mas ele leva um tempo natural para “crescer”.

      Um abraço e continue acompanhando seu plano, lembrando que esse é um investimento de longo prazo 🙂

      1+

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *