fbpx
Taxa de quitação por morte

Taxa de quitação por morte

Você já se perguntou o que acontece com um empréstimo se a pessoa que o contratar, por acaso, morre? Será que os herdeiros são obrigados a herdar também essa dívida?

Em geral, as pessoas que contratam um empréstimo, seja ele um empréstimo imobiliário ou um empréstimo simples, pagam mensalmente uma taxa que garante a quitação do empréstimo em caso de morte do contratante. Essa taxa pode ter nomes diferentes nas diversas instituições, mas independente do nome, tem o mesmo objetivo: TQM ou Taxa de Quitação por Morte, Fundo de Quitação por Morte, Quota de Quitação por Morte.

O que é e para que serve?

A Taxa de Quitação por Morte (TQM) serve para a formação de um Fundo que garante a quitação do empréstimo ou financiamento em caso de morte do devedor, desobrigando sua família a pagar o saldo remanescente. O Fundo atua como um mitigador do risco de crédito do pagamento do empréstimo ou financiamento.

Como essa taxa é calculada?

É realizada a avaliação atuarial com base na idade e prazo contratado, dentre outras premissas.

Em caso de quitação do empréstimo, mesmo que seja com o objetivo de pegar um outro empréstimo de valor diferente (renegociação), o valor da TQM do primeiro empréstimo será recalculado e devolvido ao contratante.

Mas não se esqueça: antes de se comprometer com um empréstimo, pesquise e compare quais são as melhores modalidades e as taxas mais vantajosas para o seu caso.

 

Compartilhe
7+

4 Comentários sobre “Taxa de quitação por morte

    1. Oi Laci! Sabemos que sim. Você recebe nossa news quinzenalmente com as novidades do blog para que possamos levar até você os conteúdos de educação financeira e previdenciária que estamos produzindo todas as terças e quintas. Um abraço!

      0
  1. Interessante essa abordagem. Os participantes acreditam que estão comprando um seguro de vida do Banco do Brasil. Não se trata disso, a função dela é evitar que os nossos dependentes tenham que pagar o saldo remanescente quando contratamos o empréstimo nos casos de morte. Parabéns BB Previdência.

    2+
    1. Excelente comentário, Marcos! O esclarecimento dos pontos que podem causar dúvidas são importantes para todos, né? Um abraço e volte sempre!

      1+

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *